A dor do nervo ciático é conhecida como uma das mais comuns, intensas e desagradáveis dores de todas. Ela prejudica a produtividade do paciente afetado, alterando a sua rotina e trazendo efeitos negativos até mesmo para executar as atividades mais comuns do dia-a-dia.

O ciático é o maior nervo do corpo humano, formado por diversas raízes nervosas que se expandem nas regiões do final da coluna vertebral, dos glúteos, do posterior da coxa e do joelho. 

Por seu tamanho e abrangência, o nervo ciático sofre devido aos inúmeros movimentos realizados repetidamente durante as atividades do cotidiano. A estrutura corporal é afetada de algumas formas, principalmente a coluna vertebral, que pode desenvolver lesões locais ou irradiais, causando a famosa dor no ciático.

Ficou curioso para saber mais sobre a Dor no Ciático? Continue lendo e descubra quais os sintomas e como tratar essa patologia que aflige tantas pessoas.

A estrutura do nervo ciático

Como já dissemos anteriormente, o nervo ciático é o maior nervo do corpo humano. 

Ele se inicia em nossa coluna vertebral e se ramifica, como um galho de árvore, para a região das pernas chegando até a sola dos pés. Normalmente, a dor mais forte é sentida na região dos glúteos e próxima às coxas. Apesar disso, pessoas diferentes relatam sensações distintas.

Para entender melhor como sua estrutura está ligada a dor no ciático, é preciso relembrar a estrutura de outra parte do corpo, a da coluna vertebral.  

Dor no Ciático

Estrutura da coluna vertebral

A nossa coluna é formada por um conjunto de vértebras, divididas das seguintes formas:

Entre as vértebras, existe o disco intervertebral, uma estrutura de cartilagem que amortece o impacto entre as estruturas da coluna cervical, torácica e lombar.

Já no interior da coluna, existe um canal por onde passa a medula espinhal ou nervosa. Quando este disco sai de sua posição normal, com a possibilidade de comprimir alguma estrutura nervosa, acontece o que chamamos de hérnia de disco.

Com o passar do tempo, muito esforço e movimento repetitivos, esse desgaste nos discos intervertebrais aumenta, assim como as possibilidades de encontrarmos uma hérnia de disco.

Devido ao seu tamanho, a dor no nervo ciático pode ser decorrente de diferentes fatores, dentre eles algumas patologias muito comuns como:

Nervo Ciático

Causas da dor no ciático

Se você sente dor no nervo ciático e ela se espalha (irradia), é porque o nervo está sofrendo uma compressão. Esse trauma pode ter origem direta ou ser causado por movimentos repetitivos, como alguns dos exemplos abaixo:

É muito comum encontrar essa síndrome em pessoas entre 30 a 50 anos. Geralmente, a dor no nervo ciático não é causada por só um tipo de lesão, ela também pode ser decorrente de vários outros fatores e desequilíbrios musculares. 

É importante lembrar que boa parte dos casos acontecem devido à problemas degenerativos da coluna vertebral.

Alguns dos problemas que podem inflamar o nervo ciático 

Diagnóstico da dor no nervo ciático

Para se obter um bom diagnóstico, é necessário avaliar bem o quadro do paciente e ver se a dor é de origem da coluna ou se apresenta uma pré-disposição para contraturas musculares.

O diagnóstico da dor ciática deve ser feito por um médico ortopedista especializado neste tipo de doença, com base nos sinais e sintomas apresentados. 

O teste que consiste em comprovar a alteração do nervo ciático pode ser feito no consultório, onde você fica deitado de barriga para cima e levanta a perna esticada da maca. Se houver dor ou sensação de formigamento, o teste indica irritação ciática, o sinal de Lasègue. Se houver dor na outra perna, isso indica grave alteração da coluna, como uma hérnia de disco, por exemplo.

Os exames de imagem como raio X e ressonância magnética podem ser úteis para avaliar a coluna, ajudando a identificar o que está comprimindo o nervo. 

Caso a coluna apresente-se saudável e sem alterações, a causa da dor ciática deve ser somente muscular ou da fáscia, e o tratamento é relativamente mais simples.

Tratamento da dor no ciático

O tratamento para nervo ciático dolorido ou inflamado pode ser feito com uso de remédios analgésicos, anti-inflamatórios em forma de comprimidos, pomadas, uso de bolsas de calor e fisioterapia com exercícios específicos. As opções são:

Este último tópico fica reservado somente para os casos mais graves, quando há hérnia de disco que não melhora com todos os tratamentos acima citados. Nesse caso, o cirurgião pode decidir infiltrar a coluna,  retirar a hérnia de disco vertebral, trocar o disco por uma prótese, ou até fundir  uma vértebra na outra.

Como prevenir a dor no ciático

Para prevenir uma nova crise de dor ciática, você deve:

Alongamento Nervo Ciático

Fique atento, não negligencie as dores na coluna, assim como assimetrias nos ombros, costelas e bacia…

Vale ressaltar a importância de um médico especializado para realizar o diagnóstico correto. Pensando em proporcionar a melhor solução para sanar os problemas dos pacientes, o Dr. Henrique Noronha é médico ortopedista, especialista em cirurgia de coluna e intervenção de dor, usando técnicas minimamente invasivas, se colocando sempre à disposição para trazer mais qualidade de vida às pessoas que sofrem com problemas na coluna – Agende já a sua consulta.

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.