Alinhamento da coluna

As informações disponíveis abaixo não substituem qualquer consulta com seu médico especialista em coluna, pois algum elemento descrito não vai necessariamente se aplicar ao tratamento ou resultado de cada indivíduo.

Sobre a Coluna

A coluna vertebral humana é composta de 24 ossos, chamados vértebras. Entre cada vértebra existem discos que fornecem amortecimento necessário para a rotação e flexão da coluna vertebral. A coluna é composta da espinha cervical (pescoço), da coluna torácica (peito), da coluna lombar (parte inferior das costas) e dos ossos sacrais. Existem curvas naturais dentro da coluna que são importantes para manter o equilíbrio em pé e o alinhamento geral da coluna vertebral.

Por que o alinhamento da Coluna é importante?

Alinhamento da coluna vertebral refere-se a como a cabeça, os ombros, a coluna, os quadris, os joelhos e os tornozelos se relacionam e se alinham. Quando a coluna está desalinhada, a tendência do corpo é compensar para manter o equilíbrio e um olhar horizontal (capacidade de se manter ereto). Por exemplo, uma pessoa poderia compensar girando os quadris para a frente. Isso pode levar ao estresse nos músculos e articulações, fazendo com que o corpo tente compensar ainda mais.

Causas do desalinhamento

Existem várias causas que podem contribuir para que a coluna fique desalinhada. A maioria está relacionada ao processo natural de envelhecimento, em que a tendência é que a coluna se curve além da variação normal. A genética também pode desempenhar um papel de contribuição se uma pessoa nasce com uma coluna desalinhada ou predisposição para desalinhamento. Outras causas incluem complicações de uma cirurgia da coluna anterior (por exemplo, doença do segmento adjacente), trauma ou tumores. Desalinhamento pode levar a dor nas costas.

Quais são minhas opções de tratamento?

Muitos sintomas relacionados à dor nas costas, como resultado de um mau alinhamento, podem ser tratados sem cirurgia, por meio de métodos que envolvem medicação, repouso, calor e fisioterapia. É importante que você fale com um médico especialista em coluna sobre as melhores opções para você.Se os seus sintomas não melhorarem com outros métodos, o seu médico pode sugerir cirurgia na coluna vertebral. A cirurgia é reservada para aqueles que não obtêm alívio de formas de tratamento não cirúrgicas, pacientes cujos sintomas estão aumentando ou piorando e / ou pacientes que apresentam uma condição de coluna que indica a necessidade de cirurgia.

Alinhamento durante procedimento cirúrgico na coluna

Ao planejar sua cirurgia, seu cirurgião pode optar por fazer algumas medições de sua coluna para ajudar a determinar o melhor curso de ação. Por exemplo, o cirurgião pode medir os graus da curvatura da parte inferior das costas (lordose lombar), bem como certos ângulos da pélvis (incidência pélvica). Estudos mostram que a relação entre essas duas medidas pode ajudar a determinar seu alinhamento da coluna vertebral.2-5 Um objetivo comum na cirurgia é alcançar o alinhamento adequado da coluna vertebral.Seu cirurgião pode optar por colocar um ou mais implantes em seu espaço de disco. Estes podem incluir implantes hiperlordóticos que podem ajudar a restaurar a altura adequada do disco, bem como a lordose na parte inferior das costas. Geralmente, algum método de fixação também será usado para agir como um dispositivo de estabilização (suporte interno) para ajudar a manter tudo no lugar enquanto ocorre a fusão (cura óssea).Soluções de software estão disponíveis para ajudar os cirurgiões a calcular e avaliar medições da coluna vertebral, o tipo de implante(s) necessário(s), e onde colocá-los durante a cirurgia. Por meio do software de planejamento cirúrgico, o cirurgião tem a capacidade de modelar a cirurgia de antemão, estabelecer metas e confirmar o resultado no pós-operatório.